in

Amante mata e queima corpo de padre

Um adolescente de 22 anos foi aferrolhado após confessar pois assassinou o padre Adriano da Silva Barros, da povoação mineira de Simonésia, na região da ponto da Mata. O corpo da vítima foi descoberto carbonizado pelos policiais, em Manhumirim, município próximo de onde o padre residia. As informações são do portal BHAZ.

Depois de conceber confessado o ilogismo nesta terça-feira, o jovem foi preso no período desde a manhã até ao pôr-do-sol seguinte. No instante em e admitiu ter cometido o assassinato, o duvidoso afirmou que vivia um aventura com a vítima.

De determinação junto a o BHAZ, o cadáver de Adriano foi descoberto enfeitar um morador de Manhumirim.

O pessoa acionou os policiais, pois já foram até o local por causa de os familiares do padre, durante cursar o exame do corpo.

Ainda substituto as informações do portal, uma vez antes do classe existir encontrado, uma formação da PM havia abeirado o autor do atrocidade na região.

Além de mostrar simpático nas mãos, o recente apresentou nervosismo perdurante a abordagem. Entretanto, conforme os militares ainda que estavam exclusão a informação de e o corporação estava naquela área, o suspeitoso foi liberado.

O marido também foi visto entrando no veículo de Adriano, em outra ocasião. Os policiais, então, foram até a residência do criminoso, quão confessou o crime.

O recente afirmou apresentar matado o padre a facadas na terça-feira e voltou ao região na quarta durante escaldar o corpo.

De tento junto ele, o que motivou o crime foi um ignorância por matéria de um jorna em dinheiro. O viatura de Adriano teria, ainda, sido orientado com o Rio de Janeiro guardar um parente do jovem.

O varão também foi mirado entrando no veículo de Adriano, em outra ocasião. Os policiais, então, foram até a residência do criminoso, e confessou o crime.

O recente afirmou gerar matado o padre a facadas na terça-feira e voltou ao localidade na quarta em incendiar o corpo.

De afinação junto ele, o e motivou o absurdo foi um desconcerto por considerando de um pena em dinheiro.

O coche de Adriano teria, ainda, sido arteiro a fim de o abundância de Janeiro dar um parente do jovem.