Atual prefeito e candidato a reeleição morre Após infarto

O atual prefeito e candidato à reeleição de Passa Quatro no sul de Minas faleceu na noite de sábado (14). Antônio Claret Mota Esteves (PV), 62, foi internado no Hospital Regional de Varginha após um infarto. Já foi substituído por Henrique Nogueira Gonçalves, que foi efetivo vice-prefeito. Segundo familiares e amigos, no início da campanha política Claret estava doente.

“Ele tinha um problema no coração e acho que nunca soube. Claret permaneceu no hospital e recebeu alta. Mas ele teve um infarto e ficou duas semanas internado no Hospital Provincial ”, lamenta Flávia Pessoa, amiga do político.

+  Amigas brigam por causa de traição 'Ela pegou meu Marido"

Claret não era unido e não tinha filhos. Em 1986, tornou-se o mais jovem prefeito da história de Passa Quatro, aos 28 anos. O político também foi vereador, prefeito, vice-prefeito e duas vezes prefeito. “Ele vivia para o trabalho público. Eu segui seu caminho no hospital.

Ele lutou até o fim. Ele foi positivo o tempo todo, dizendo que eu ia sair dessa ”, enfatiza. O despertar aconteceu no campo de esportes da cidade. Realiza-se uma procissão na Câmara Municipal e a seguir o corpo é enterrado no Cemitério Municipal.

+  Imagens mostram menino exausto por trabalhar o dia todo na rua, para ajudar a mãe

O vício está assumindo O pedido de substituição foi feito exatamente na noite de sábado (14) por meio do Partido Verde. O efetivo vice-prefeito do município, Henrique Nogueira Gonçalves, assumiu o lugar de Claret. “A mudança já foi feita, o Juiz Eleitoral não teve apenas a oportunidade de compor essa mudança na urna eletrônica. Mas vou disputar juntos o número e a foto do Claret ”, explica Henrique Nogueira, atual candidato a prefeito.

+  Rapaz chicoteado por seguranças do Carrefour será indenizado em 15 mil reais

Com a morte de Claret, a passagem ao Partido Verde continua com Henrique Nogueira Gonçalves como candidato a prefeito e Marco Torres como vice-presidente. “Eu sou o vice-prefeito, mas Claret é um político indispensável em nosso bairro. Ele tem mais de 35 anos de vida pública. Foi duas vezes prefeito, vice-prefeito por três mandatos, vereador. Mas a luta continua ”, lamenta.


PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário