in

Carro de irmão do ator Marco Ricca é encontrado com ossada 6 anos depois

Na manhã desta segunda-feira (2), o carro de Giuliano Ricca, irmão do ator Marco Ricca, que está desaparecido há seis anos, foi encontrado pelas autoridades perto da Rodovia Presidente Dutra, localizada em Santa Isabel. De acordo com as informações concedidas pela polícia militar, na parte interior do veículo, que apresentava sinais de capotamento, havia uma ossada.

O veículo em questão é um CRV preto, com a placa EMO 9888, RJ, possuindo as mesmas características do carro que havia sido dirigido por Giuliano no dia de seu desaparecimento, ocorrido em outubro de 2014. De acordo com as informações das autoridades, ele estava em um sítio, sendo encontrado por funcionários que realizavam uma obra.

Segundo a PM, os rapazes estavam andando pela propriedade junto de um cachorro, momento em que o animal latiu ao encontrar o carro. Os funcionários do sítio, então, acreditaram que o fato tratava-se de um acidente, resolvendo chamar ajuda com o intuito de socorrer possíveis vítimas. Entretanto, encontraram apenas uma ossada, decidindo chamar a polícia.

A identidade da vítima em questão poderá ser confirmada apenas quando for realizado o exame de DNA. Dentro do automóvel, foi encontrado, também, alguns documentos. No entanto, a polícia não divulgou detalhes. O fato foi registrado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) na Delegacia de Arujá;

Desaparecimento

O desaparecido Giuliano Ricca, na data de seu desaparecimento, tinha 47 anos de idade, sendo produtor cultural e irmão do ator Marco Ricca. O rapaz desapareceu no dia 19 de outubro de 2014. Durante à época, a família decidiu realizar um comunicado afirmando que o produtor havia deixado São Paulo de carro, desaparecimento quando estava à caminho do Rio de Janeiro.

Os irmãos Giuliano e Marco eram sócios de uma produtora localizada na cidade de São Paulo. Os rapazes também realizavam diversos projetos e peças de cunho cultural, a exemplo de “Uma vida no Teatro” e “Adultérios”, que contou com a participação de Fábio Assunção.