Felipe Prior comenta sobre acusações de estupro e dispara: ‘Minha consciência está tranquila’

Após ser eliminado do “Big Brother Brasil 2021”, veio à tona diferentes mulheres acusando o Arquiteto Felipe Prior de abuso sexual. Após a grande repercussão na internet, o caso foi parar nos tribunais e, até hoje, segue em segredo de Justiça. No entanto, o ex-brother decidiu comentar sobre o assunto durante uma participação do “Flow Podcast”, garantindo, durante a ocasião, que não possui culpa no cartório.

“Quanto a isso, minha consciência está tranquila.“, disse Felipe Prior durante a transmissão. Após, o arquiteto informou, também, acreditar que tais acusações possam ter sido as grandes responsáveis por sua eliminação na casa mais vigiada do Brasil, mesmo com o caso estourando depois sua saída do programa.

+  A Fazenda: Raissa saiu bem maior do que entrou e com imagem repaginada

“Já estava correndo isso desde que eu entrei no programa, mas abafado. Isso fez muito para eu não ganhar. Foi um dos motivo de eu não ganhar, isso já estava correndo dentro dos bastidores. Eu agradeço a Deus por me tirar, porque eu estava aqui fora para provar que isso é mentira.“, disse ele, durante o bate-papo.

Helicóptero da Record

Felipe Prior, na ocasião, informou que a “bomba estourou” no momento em que ele estava voltando para sua residência, localizada na capital paulista. “Tinha helicóptero sobrevoando a minha casa como se eu fosse um bandido”, disse ele, revivendo o momento em que um veículo aéreo da Record ficou sobrevoando a casa aonde morava após as acusações de abuso sexual surgirem na mídia.

+  Gilberto fecha contrato milionário com a Vigor e leva internautas à loucura: 'Gil da Vigor'

Relembre o caso

Após sua saída do reality show, três mulheres acusaram Felipe Prior pelo crime de violência sexual e tentativa de violência que, de acordo com as supostas vítimas, ocorreu no ano de 2014 e 2018. Os crimes em questão teriam acontecido em cidades localizadas no interior de São Paulo durante os jogos universitários e em situações semelhantes. As mulheres e Felipe Prior prestaram depoimento para a polícia. A delegada responsável pelo caso optou por encerrar o inquérito. No entanto, o MP (Ministério Público), realizou a apresentação de uma denúncia que foi acatada, com o caso, agora, seguindo em segredo de Justiça. A audiência está marcada pro dia 10 de maio de 2021.

+  Madrugada de terror na casa de Stéfani Bays bandidos armados invadem e fazem todos reféns

PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário