Homem casar com a própria filha Após grávida e larga a esposa

Um americano é acusado de incesto e adultério após deixar sua esposa para se casar com sua própria filha, que já havia produzido os frutos de um relacionamento incestuoso com ele. Aos 42 anos, Steven Walter Pladl já foi preso, pagou fiança de R $ 4 milhões e aguarda julgamento em casa, cuidando do filho recém-nascido.

O caso ocorreu em Richmond, Virginia, nos Estados Unidos. Steven e sua ex-mulher, cujo nome não foi divulgado à mídia, tinham uma filha que foi adotada em 1998. Quase 20 anos depois, Katie Pladl conseguiu rastrear e encontrar a família.

+  Famosas demonstram indignação com sentença no caso Mariana Ferrar: 'Estupro culposo não existe'

Logo eles decidiram que tentariam viver juntos novamente. No entanto, quando suspeitada do comportamento de sua filha na presença de seu pai, a esposa de Steven, mãe de dois outros filhos nascidos de seu pai, decidiu ler o diário de uma menina de 19 anos depois de descobrir que os dois estavam fazendo sexo e que a menina estava grávida.

Antes mesmo de deixar a ex-mulher, o homem pediu aos outros dois filhos que chamassem Katie de madrasta, apesar de ser uma irmã mais nova. Depois de se mudarem para Wake County, na Carolina do Norte, os dois organizaram uma sessão de fotos em que se proclamaram marido e mulher, mesmo sendo um ato ilegal.

+  Lembra dela? Saiba como está a “Grávida de Taubaté”, oito anos após fingir gravidez

De acordo com o jornal britânico Daily Mail, o caso foi para a polícia, que acusou Steven e Katie de incesto, adultério e contribuição para o crime, quando foi descoberto que o fruto do relacionamento incesto havia sido preservado e veio à tona. Mundial, em setembro de 2017. Steven não conseguiu pagar a fiança e está aguardando um período de experiência, cuidando do filho. Por outro lado, Katie permanece na prisão também aguardando julgamento.

+  Adolescente de 14 anos invade escola e mata duas crianças e duas professoras

PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário