Mistério: modelo mirim Emily Dias, de 14 anos, desaparece de dentro de casa

Mais um sumiço envolvendo uma criança está mobilizando a mídia em todo Brasil. A polícia iniciou uma investigação para apurar qual o paradeiro da modelo mirim Emily Dias, de 14 anos que desapareceu em Itanhaém, no litoral paulista. 

A informação confirmada pelas autoridades foi veio a público neste domingo (22). A adolescente foi dada como desaparecida na madrugada deste sábado (21), de acordo com os pais, por volta de 4h. Imediatamente os familiares começaram a compartilhar fotos da jovem para tentar informações sobre seu  paradeiro.

+  Pastor evangélico abandona igreja e foge com mulher de fiel

A mãe de Emily, Dayane Dias, ao ser entrevistada pelo site G1, revelou que ela e o marido avistaram um veículo saindo da rua neste horário, e que a maçaneta da residência estava danificada. A família reside no bairro Jardim Califórnia, próximo à praia. Os pais disseram aos policiais, que foram acordados na madrugada do desaparecimento devido aos latidos do cachorro.

Ainda no depoimento, os pais se levantaram e foram até o quarto das duas filhas, e constataram que a garota não se encontrava no local. No boletim ainda está registrado que o casal ao verificar a porta  que dá acesso à cozinha, notaram que a mesma estava aberta e com a maçaneta no chão.

+  Funcionários de hospital rezam em meio aos leitos de pacientes com 'Covid-19'

Segundo os pais da jovem, foi nesse momento que eles decidiram sair e avistaram um carro indo em direção à avenida da praia, a cerca de 300 metros da casa. A mãe também chegou a revelar para as autoridades envolvidas no caso que ouviu a filha gritar por socorro. Ao fim do depoimento, os pais disseram que tinham um bom convívio com a jovem, e que não receberam nenhum indicativo sobre o paradeiro da filha.

+  Filha de homem preso com 9 mil vídeos de pornografia infantil contou à mãe que irmã foi abusada pelo pai

Dayane comentou também que a filha já atuou em uma novela infantil e fez diversos trabalhos em campanhas como modelo mirim. Segundo ela, a filha não estava em posse do celular e nada do quarto, como roupas ou objetos, foram levados.

“A gente está desesperado, a gente não está fazendo mais nada a não ser procurar a Emily, não sabemos o que esta por trás. Estamos desesperados”, disse a mãe.


PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário