Neguinho da Beija-Flor é internado às pressas em hospital e estado de saúde é divulgado

O famoso sambista carioca, Neguinho da Beija-Flor, chegou a ser internado nesta quinta-feira dia 26, em um hospital localizado na sul do Rio de Janeiro. Segundo o filho do famoso, Jr. Beija-Flor, seu pai está estável e a internação foi precisa por conta de um quadro de desidratação do sambista. “Não é nada grave. É mais por conta do quadro de desidratação. Vai ficar 2 dias internados no máximo.

Daqui a pouco ele está aí”, revelou Jr. Beija-Flor acerca de seu pai, nos stories de seu perfil oficial no Instagram. Junior chegou a agradecer o apoio que recebeu de seus familiares neste momento complicado, atualizando os seguidores acerca do estado de saúde do pai famoso.

+  Aos 71 anos, Mamma Bruschetta leva duro golpe financeiro, perde tudo e passa mal: ‘Sem um tostão’

“Quando eu escrevo, cada um interpreta de uma maneira. Porém vai ficar tudo bem graças a Deus”, pontuou o artista.De acordo com as informações transmitidas pela rede Globo, a previsão é que o artista ganhe alta amanhã. Neguinho da Beija-Flor chegou a divulgar uma gravação na última semana, onde fazia o teste para saber se estava com coronavírus.

+  'BBB 21': Viih Tube é 'desmascarada' pelo próprio pai dentro do jogo: 'Aquelas pessoas não tem nada a ver comigo'

“Perante os sintomas, vamos fazer o teste do covid-19. Espero que seja apenas uma gripe, vamos aguardar o resultado”, ressaltou o famoso compositor.

No último mês, vale lembrar Neguinho da Beija-Flor chegou a sofrer uma terrível perda, o seu neto, Gabriel Ribeiro de apenas 20 anos de idade chegou a ser assassinato pela polícia do estado do Rio de Janeiro.

+  Pastor zomba da morte de Paulo Gustavo afirma que ator está no inferno: 'Com Deus não se brinca'

O compositor na ocasião chegou a realizar um extenso desabafo durante uma entrevista ao Estadão, “Morreram mais dois lá, junto com meu neto. Tinha algum branco? É ruim, hein? Só tinha preto da comunidade”, disparou o famoso indignado, Neguinho da Beija-Flor chegou a afirmar que se ele não tivesse dado sorte no mundo da música, já estaria morto.” Na favela, a polícia atira primeiro e pede documento depois”, disparou o cantor.

 


PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário