Pedro Bial é baleado após tentativa de assalto no RJ

Sem dúvida Pedro Bial é uma das maiores referências da televisão brasileira, um dos maiores apresentadores e jornalistas do país, porém poucas pessoas sabem que ele quase morreu durante uma tentativa de assalto no Rio de Janeiro.

Contudo nem todas as pessoas acompanharam a carreira de Pedro Bial, e não sabem que ele quase teve sua carreira interrompida por uma ação de criminosos que tentaram assaltar o jornalista, que viveu momentos de pânico.

+  Eduardo Costa sai do armário: "SEMIGAY"

O apresentador foi perseguido por quatro criminosos que fecharam o carro de Bial, e obrigaram ele a frear o veículo, o mesmo relatou cenas de terror e pânico, que marcaram um momento de tensão e quase de tragédia na vida do apresentador na época. 

Os bandidos tiraram o apresentador de dentro do carro a força, ele foi jogado ao chão, e um dos criminosos apontou a arma para o ouvido de Bial, e em tentativa de homicídio disparou, o tiro por sorte passou raspando o ouvido do apresentador, e ele ficou quase completamente surdo do ouvido esquerdo.

+  Corpo do humorista Paulo Gustavo será cremado hoje: família se prepara para o último adeus

Tudo ainda aconteceu um dia antes da final do BBB, que teve como grande campeão Kléber Bambam, Pedro Bial revelou que se fingiu de morto, e os criminosos fugiram, ele disse que todos estavam drogados, e que não acreditou sair vivo, dizendo que Deus esteve entre ele e a bala da arma disparada.

Pedro Bial disse que Deus lhe deu a oportunidade de viver de novo, após o ocorrido Bial foi atendido por pessoas no local, e depois foi direto ao hospital, ele teve ferimentos externos e internos no ouvido esquerdo, devido a proximidade de que a arma foi disparada de sua cabeça, o apresentador acabou se recuperando bem do episódio e não ficou traumatizado, mas com certeza o fato o fez repensar sobre a vida, e foi um divisor de águas na carreira do apresentador.

+  Foto da família e amigos de Paulo Gustavo mostra linda homenagem após despedida do ator

PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário