[Vídeo] Menino de 11 anos torturado preso no barril comia casca de banana e fubá cru

Um caso revoltante agitou as redes sociais de todo país, uma criança de 11 anos foi torturada pelo próprio pai e pela madrasta. O jovem foi mantido dentro de um barril por aqueles que deveriam protegê-lo, e foi resgatado pelas autoridades neste fim de semana. Os oficiais chegaram até o local através de uma dica anônima onde revelaram as atrocidades que a criança estava sofrendo.

O adolescente estava com seus pés e mãos amarrados com correntes. O crime gerou uma onda de revolta e chocou toda a população com os detalhes exposto pela policia. De acordo com o cabo Rodrigo Carlos da Silva, o jovem só comia casca de banana e fubá cru.

+  Mulher faz descoberta terrível ao limpar o quarto do irmão desaparecido a 5 anos

“Colocavam para ele casca de banana, fubá cru isso quando ele comia suas próprias necessidades“, afirmou o oficial. A polícia local informou que o Conselho Tutelar acompanhava a família do rapaz há quase um ano e um inquérito foi aberto para investigar se não houve nenhum problema com o órgão.

Ao todo 3 pessoas foram detidas, o pai do garoto, a madrasta e a filha da madrasta. O cabo chegou a informar que o jovem estava a mais de 5 dias sem se alimentar e ficou preso no barril por dias. O autor de tamanha brutalidade chegou a informar que colocou o filho dentro do barril “para seu próprio bem”.

+  Tragédia: 37 morreram em trágico acidente entre ônibus e caminhão em São Paulo

De acordo com o homem o filho era rebelde, batia em todos e estava sempre fugindo e fez o que fez como medida educativa. Segundo testemunhas, a criança sempre sofreu com maus tratos mesmo o Conselho Tutelar indo até a casa deles. O conselheiro Moisés Sesion, chegou a informar que tinha ciência que a família tinha problemas porém não imaginava que o jovem sofria abusos.

+  Vídeo: revela verdadeiro motivo de criança de 10 anos tirar a própria vida; " CHOREI MUITO"

O jovem estava mostrando sinais de desnutrição, pelado e suas pernas estavam inchadas. Os pais da criança foram detidos e soltos com uma fiança de 5 mil reais para cada. O fato dos pais poderem responder em liberdade deixou todos no país indignados.


PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário